Informação complementar para imagens e gráficos

Vendas consolidadas
  • 2006
    • 451 milhões de euros.
  • 2007
    • 519 milhões de euros.
  • 2008
    • 579 milhões de euros.
  • 2009
    • 517 milhões de euros.
  • 2010
    • 528 milhões de euros.
  • 2011
    • 556 milhões de euros.
  • 2012
    • 569 milhões de euros.
  • 2013
    • 593 milhões de euros.
  • 2014
    • 578 milhões de euros.
  • 2015
    • 611 milhões de euros.
  • 2016
    • 652 milhões de euros.
  • 2017
    • 705 milhões de euros.
    • 2018
      • 741,2 milhões de euros.

Voltar

Investimentos
  • 2006
    • 39 milhões de euros.
  • 2007
    • 30 milhões de euros.
  • 2008
    • 98 milhões de euros.
  • 2009
    • 44 milhões de euros.
  • 2010
    • 85 milhões de euros.
  • 2011
    • 29 milhões de euros.
  • 2012
    • 60 milhões de euros.
  • Ano 2013
    • 105 milhões de euros.
  • Ano 2014
    • 38 milhões de euros.
  • Ano 2015
    • 37 milhões de euros.
  • Ano 2016
    • 33 milhões de euros.
  • Ano 2017
    • 18,2 milhões de euros.
    • Ano 2018
      • 10,5 milhões de euros.

Voltar

Pessoal
  • 2006
    • 3515 pessoas
  • 2007
    • 3866 pessoas
  • 2008
    • 3861 pessoas
  • 2009
    • 3719 pessoas
  • 2010
    • 4080 pessoas
  • 2011
    • 4060 pessoas
  • 2012
    • 4090 pessoas
  • Ano 2013
    • 4552 pessoas
  • Ano 2014
    • 4333 pessoas
  • Ano 2015
    • 4498 pessoas
  • Ano 2016
    • 4764 pessoas
  • Ano 2017
    • 4982 pessoas
    • Ano 2018
      • 5151 pessoas

Voltar

RESULTADOS
  • 2011
    • 122 milhões de euros.
  • 2012
    • 114 milhões de euros.
  • Ano 2013
    • 116 milhões de euros.
  • Ano 2014
    • 96 milhões de euros.
  • Ano 2015
    • 111 milhões de euros.
  • Ano 2016
    • 112 milhões de euros.
  • Ano 2017
    • 124 milhões de euros.
    • Ano 2018
      • 125,9 milhões de euros.

Voltar

Corporação MONDRAGON no mundo
  • Delegações corporativas: 9
  • Fábrica: 105
  • EUA
    • Delegações corporativas: 1
    • Unidades de produção: 4
  • México
    • Delegações corporativas: 1
    • Unidades de produção: 8
  • Brasil
    • Delegações corporativas: 1
    • Unidades de produção: 5
  • Colômbia
    • Unidades de produção: 3
  • Chile
    • Delegações corporativas: 1
  • Marrocos
    • Unidades de produção: 2
  • Portugal
    • Unidades de produção: 5
  • Itália
    • Unidades de produção: 3
  • França
    • Fábrica: 17
  • Noruega
    • Unidades de produção: 1
  • Reino Unido
    • Unidades de produção: 4
  • Alemanha
    • Unidades de produção: 5
  • Irlanda
    • Unidades de produção: 2
  • Polónia
    • Unidades de produção: 6
  • Países Baixos
    • Unidades de produção: 1
  • Luxemburgo
    • Unidades de produção: 6
  • Bélgica
    • Unidades de produção: 2
  • República Checa
    • Unidades de produção: 8
  • Eslováquia
    • Unidades de produção: 2
  • Rússia
    • Delegações corporativas: 1
  • Roménia
    • Unidades de produção: 2
  • Turquia
    • Unidades de produção: 2
  • China
    • Delegações corporativas: 1
    • Fábrica: 15
  • Taiwan
    • Delegações corporativas: 1
  • Índia
    • Delegações corporativas: 1
    • Unidades de produção: 5
  • Tailândia
    • Unidades de produção: 1
  • Vietname
    • Delegações corporativas: 1
  • Austrália
    • Unidades de produção: 1

Voltar

Inovação

Na Orona eic (Elevation Innovation Centre, empresa de Inovação que pertence ao Grupo Orona) trabalham mais de 100 profissionais em colaboração com a Orona, a Electra Vitoria, bem como com Centros de Investigação e Universidades de vanguarda tanto nacionais como internacionais. A partir da Orona eic, procuram-se formas para otimizar todos os aspetos relacionados com a ecoeficiência, a segurança e o conforto dos sistemas de elevação. Neste sentido, a ORONA é a primeira empresa no setor mundial dos elevadores que possui a certificação Ecodesign.

Voltar

Equipa de inovação
  • 2001
    • Montante destinado à investigação: 2,2 milhões de euros.
    • Evolução do investimento: 34 pessoas na equipa de investigação.
  • 2002
    • Montante destinado à investigação: 2,5 milhões de euros.
    • Evolução do investimento: 37 pessoas na equipa de investigação.
  • 2003
    • Montante destinado à investigação: 2,9 milhões de euros.
    • Evolução do investimento: 45 pessoas na equipa de investigação.
  • 2004
    • Montante destinado à investigação: 3,3 milhões de euros.
    • Evolução do investimento: 49 pessoas na equipa de investigação.
  • 2005
    • Montante destinado à investigação: 3,8 milhões de euros.
    • Evolução do investimento: 54 pessoas na equipa de investigação.
  • 2006
    • Montante destinado à investigação: 5,4 milhões de euros.
    • Evolução do investimento: 56 pessoas na equipa de investigação.
  • 2007
    • Montante destinado à investigação: 7,4 milhões de euros.
    • Evolução do investimento: 76 pessoas na equipa de investigação.
  • 2008
    • Montante destinado à investigação: 8,5 milhões de euros.
    • Evolução do investimento: 82 pessoas na equipa de investigação.
  • 2009
    • Montante destinado à investigação: 9,2 milhões de euros.
    • Evolução do investimento: 84 pessoas na equipa de investigação.
  • 2010
    • Montante destinado à investigação: 9,6 milhões de euros.
    • Evolução do investimento: 86 pessoas na equipa de investigação.
  • 2011
    • Esforço em inovação: 10 milhões de euros.
    • Evolução do investimento: 90 pessoas na equipa de investigação.
  • 2012
    • Esforço em inovação: 10,7 milhões de euros
    • Evolução do investimento: uma equipa de investigação de 100 pessoas
  • Ano 2013
    • Esforço em inovação: 11,1 milhões de euros.
    • Evolução do investimento: uma equipa de investigação de 101 pessoas.

Voltar

ORONA EIC
  • Inovação Tecnológica (Direção corporativa)
    • I + D Orona S. Coop.
    • I + D Electra Vitoria
    • Orona EIC
  • Universidades
    • Tecnum, Univ. Oviedo, UPC EPFL, Lovaina, ECP, BAM, etc.
  • Outros CCTT
    • IK4 (Cenit, Tekniker, Gaiker, etc.) Tecnalia, ITA, etc.
  • Ikerlan
  • MGEP
    • Comité de tecnologia

Voltar

Projeto Netolift
  • Total: 9,15 milhões de euros
    • 38 % COLAB. EXTERNAS
    • 41 % PESSOAS
    • 5 % TECNOLAMA
    • 5 % ACONSELHAMENTO TECNOL
    • 3 % MATERIAIS
    • 3 % ACONSELHAMENTO PATENTES
    • 3 % AMORTIZAÇÕES EIC
    • 1 % VIAGENS
    • 1 % Restantes despesas

Voltar